Atendimento na Secretaria: TERÇA a SÁBADO das 08h às 12h e das 13h às 17h.

Endereço: Rua 14 de Julho, 4267, São Francisco, Campo Grande-MS - CEP: 79010-470.

Contato: (67) 3317-7950 / 3317-7951

E-mail: saofranciscodeassiscg@gmail.com

Notícias da paróquia › 02/06/2021

Necrológio do Frei José Sérgio OFM

[NECROLÓGIO DO FREI JOSÉ SÉRGIO DOS SANTOS DE OLIVEIRA, OFM]

* Guaratinguetá, SP – 19/11/1979
+ Bauru, SP – 27/05/2021
1. Origens
Frei José Sérgio nasceu em Guaratinguetá, SP, a 19 de novembro de 1979, filho de Antonio de Oliveira Neto e Salete Aparecida dos Santos Oliveira. Foi o primeiro dos dois filhos do casal.

2. Vocação
Uma história de idas e vindas marca a caminhada vocacional de Frei José Sérgio, como também de persistência e perseverança. Desde os sete anos de idade, Frei José alimentava em si o desejo de ser padre. Devoto dos santos e amante das coisas de Deus, foi coroinha com nove anos de idade e participou dos encontros vocacionais no Seminário Frei Galvão, em Guaratinguetá. Em 1995, foi seminarista redentorista em Aparecida, SP; em 1996, entrou no Seminário Menor Diocesano, em Guaratinguetá, e, em 1997, no Seminário Maior Diocesano, em Aparecida. Neste ano, sentiu despertar de novo em si a vontade de buscar a vida franciscana, cultivada já em sua infância. Em 1998, ingressou no Seminário Santo Antônio, de Agudos, SP, onde fez o ensino médio.

3. Formação
Em 2001, José Sérgio fez o Postulantado no Seminário Frei Galvão. Em 2002, fez o Noviciado em Rodeio, SC. Em 2003, iniciou os estudos de Filosofia em Campo Largo, PR. Porém, neste mesmo ano, foi aconselhado pelos frades formadores a deixar a vida franciscana… Fez ainda uma experiência com os beneditinos, no Mosteiro São Bento, em São Paulo, SP. Em 2004, voltou ao Seminário Diocesano de Aparecida e continuou os estudos de Filosofia em Lorena, SP, na Universidade Salesiana de São Paulo (UNISAL). Em 28 de janeiro de 2006, Frei José Sérgio chegou ao Convento São Francisco, em Campo Grande, MS, como candidato à Vida Religiosa Franciscana na Custódia das Sete Alegrias de Nossa Senhora e cursando a Teologia no Instituto Teológico João Paulo II. Em 2007, Frei José Sérgio recebeu do então Ministro Geral Frei José Rodriguez Carballo a licença de fazer um noviciado apostólico na Fraternidade de Cuiabá, acompanhado por um dos frades. Nos anos de 2008 e 2009, continuou os estudos de Teologia, morando na Fraternidade do Jardim Anache, em Campo Grande. Em 2010, morou no Convento São Francisco, em Campo Grande, atendendo ao grupo de coroinhas e à Pastoral do Batismo e concluindo os estudos de Teologia.

4. Missão
Dia 19 de janeiro de 2011, Frei José Sérgio chegava à Fraternidade São José, de Itaporã, onde ficou, nesta primeira vez, por sete anos, trabalhando com a juventude, na animação vocacional, em celebrações, como ministro dos sacramentos do Batismo e do Matrimônio, no acompanhamento do Apostolado da Oração e outras atividades. Em 28 de julho de 2012, fez a Profissão Solene na Ordem dos Frades Menores, na Igreja São Francisco, em Campo Grande, tendo como lema “É isto que eu quero, é isto que eu procuro, é isto que eu desejo fazer do íntimo do coração!” (São Francisco de Assis, 1Cel 22,3). Dia 2 de dezembro do mesmo ano, foi ordenado diácono na Igreja São José, em Itaporã, animado pelo exemplo do Mestre: “Portanto, se eu, que sou o Mestre e Senhor, vos lavei os pés, também vós deveis lavar os pés uns dos outros” (Jo 13,14). No dia 15 de junho de 2013, em Guaratinguetá, foi ordenado presbítero, assumindo como lema de sua vida sacerdotal “O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu” (Is 61,1) e o pedido de Maria “Fazei tudo o que Ele vos disser” (Jo 2,5). A partir de então, atuou como vigário paroquial em Itaporã, sendo também vigário da Casa, ecônomo, animador vocacional e confessor das Irmãs Clarissas de Dourados. Em outubro de 2017, foi eleito pelos confrades como conselheiro custodial. Em 25 de fevereiro de 2018, assumiu como pároco da Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe, em Cuiabá, MT. Fundou aí a Irmandade de São Benedito, de quem ele era grande devoto. Em janeiro de 2020, realizou o sonho de visitar o Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe, no México, que para ele foi motivo de grande alegria. Em dezembro de 2020, foi reeleito conselheiro custodial. Dia 12 de fevereiro de 2021, Frei José Sérgio retornou à sua querida Itaporã, agora como pároco da Paróquia São José, guardião e ecônomo da Fraternidade, confessor das Irmãs Clarissas e coordenador do Regional Franciscano.

5. Qualidades do pastor
Frei José Sérgio viveu uma simplicidade que lhe era própria, uma alegria que o acompanhava sempre. Cultivava a devoção aos santos, em especial Nossa Senhora Aparecida, São Benedito, Santo Antônio de Santana Galvão e São José. Mas não desprezava os demais santos, não, pois gostava de pintar imagens e de animar procissões. E tinha muito zelo pelas celebrações litúrgicas. Deu início ao Ano de São José na Paróquia São José, em Itaporã, e sorteava a cada mês uma imagem de São José, pintada por ele mesmo. No relacionamento com os confrades e com o povo, Frei José Sérgio gostava de conversar e de dar boas gargalhadas, daquelas que faziam todo o seu corpo grande se mexer!
6. A visita da doença e da Irmã Morte
Frei José Sérgio temia muito ser infectado pela Covid-19, pois ele mesmo dizia que, caso isto acontecesse, ele não voltaria do hospital para casa… Em uma reunião do Conselho Custodial, em maio, ele não se sentiu bem. De volta a Itaporã, os sintomas aumentaram, e dia 10 de maio ele e seus confrades de Itaporã testaram positivo para a doença e, dia 13 de maio, ele precisou ser internado no Hospital Santa Rita, de Dourados. Dia 17 de maio, ele foi transferido para a UTI do Hospital São Francisco, de Bauru, SP. Com o agravamento de seu quadro clínico, a Irmã Morte o visitou na madrugada do dia 27 de maio de 2021, numa quinta-feira da Eucaristia e do Mandamento do Amor, do Lava-pés e do Amor-Serviço.
Que Deus acolha nosso confrade Frei José Sérgio junto aos santos, tão amados e tão reverenciados por ele!
Que Nossa Senhora das Alegrias conceda a ele a sua companhia eterna e maternal!
Que, de junto de Deus, Frei José rogue pela nossa Custódia Franciscana das Sete Alegrias de Nossa Senhora e pelas vocações franciscanas!
Em louvor de Cristo! Amém!
.
Frei Aluísio Alves Pereira Júnior, OFM – Secretário Custodial

Imprimir

X